Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

Created with Sketch.
Transportes - Linhas férreas

Proteção das cotas inferiores da Linha do Tua

SOBRE

O aproveitamento hidroelétrico de Foz Tua situa-se no rio Tua, afluente da margem direita do rio Douro, a cerca de 1,1 km da confluência destes dois rios. Este aproveitamento é constituído por um só escalão. Na central hidroelétrica estão instalados dois grupos reversíveis com uma potência total de 270 MW.

A missão do GEG foi o projeto de proteção das cotas inferiores da linha ferroviária do Tua, entre o apeadeiro da Brunheda (km 21+200) e a estação de Abreiro (29+250), face à construção do aproveitamento hidroelétrico de Foz Tua (AHFT), mais especificamente devido à influência da futura albufeira.

A avaliação da necessidade de reforço e/ou proteção destas estruturas (taludes, aterros, muros, órgãos de drenagem, pontes, etc.), justifica-se pelo facto de estar prevista a reabertura da circulação ferroviária entre a Brunheda (21+200) e Mirandela (51+054) no âmbito do plano de mobilidade turística.

O presente estudo assentou nas seguintes etapas principais: inspeção no local para caracterização e levantamentos topográficos, avaliação e caracterização, no sentido de diagnóstico e definição das intervenções necessárias. Na conceção do projeto teve-se consciente o valor patrimonial e a beleza natural da envolvente.

Enrocamento

500

m3

Muro de Gabiões

200

m3

Pregagens

700

m

Passagens hidráulicas

23

PH

Principais intervenções

  • Proteção contra a erosão de margens: proteção dos taludes com enrocamento lançado e arrumado e enrocamento argamassado – 500 m3;
  • Muros de Gabiões: muros de contenção na base de taludes e em reforço/substituição de muros de alvenaria de pedra existentes – 200m3;
  • Reforço de muros existentes: realçamentos em pedra argamassada para proteção das fundações, tratamento de juntas substituição/reforço com muros de gabiões e reforço com pregagens – 700m de pregagens;
  • Passagens Hidráulicas: limpeza, desobstrução, regularização e proteção com enrocamento das bocas de entrada e saída (23 passagens hidráulicas) e reforço da capacidade de vazão em 3 PH.
Factos
Created with Sketch. Ano: 
2016-2018
Created with Sketch. Cliente: 
EDP – Gestão da Produção de Energia, S.A.
Created with Sketch. Serviços: 
Inspeção e reabilitação ferroviária, Geotecnia ferroviária, Hidrografia e Hidrogeologia, Hidrologia, Instrumentação e Monitorização, Projeto de execução, Consultoria e assistência técnica em obra
LOCALIZAÇÃO
Douro, Portugal
Scroll Up